Onde comer: Beppler hamburgueria

IMG_7923b

Hoje voltamos com mais um post da série Onde comer, já que vocês gostaram tanto e pediram novas dicas. No primeiro post nós contamos como foi nossa experiência no Alameda Gourmet Bistrô e Creperia, confira aqui. Hoje vamos contar o que achamos da Beppler hamburgueria, que abriu recentemente um novo restaurante no bairro Santa Mônica, onde fomos, mas também conta com outra hamburgueria, já mais antiga, em Itaguaçu/Coqueiros.

Descobri a Beppler por acaso na internet, na minha saga por hamburguerias em Forianópolis com a opção de pão sem glúten e lactose. Quem me conhece sabe que eu absolutamente AMO esses hambúrgueres gourmet, poderia comer infinitamente! hahaha Depois de todo meu tratamento, já consigo comer ovo e fermento uma vez por semana, então o hambúrguer foi o escolhido para esse fim, jamais poderia escolher outra coisa. 😀

Chegamos cedo, umas 18h30, pois já tinha visto que lá enche rápido. Foi ótimo, pois pudemos escolher nosso lugar tranquilamente. Os garçons foram muito atenciosos e nos deram todas as informações necessárias sobre os pães e tudo que eu poderia comer dentro do cardápio. Os pães, inclusive, são feitos lá mesmo – amei mais ainda, nada como um pãozinho caseiro novinho.

Há dois tipos de pão sem glúten, porém um deles tem queijo parmesão, então optei pelo pão sem glúten clássico. Cada hambúrguer tem 130g e acompanha, além do pão à sua escolha, queijo (cheddar, muçarela ou prato), molho (maionese da casa, maionese verde, maionese pura, maionese de wasabi, barbecue, geleia de menta ou de pimenta), alface-americana, tomate, cebola-roxa, especiarias e batata frita ou onion rings. Você pode escolher entre hambúrguer simples ou duplo, e as opções de carne são: mignon, picanha, fraldinha, costela bovina ou suína, frango, cordeiro, linguiça blumenau, vegetariano ou salmão.

Eu fui com o de mignon, simples (uma só carne), sem queijo, batatas fritas e pedi molho barbecue (porém nunca como molho, pedi para o Marcel).

IMG_7926b

Não tenho palavras, apenas amor. Quando mordi o hambúrguer arregalei o olho e disse ao Marcel: vamos voltar sempre!!! Que saudades eu estava de um pão de hambúrguer! Era beeeeem fofinho, macio, gente, que delícia! Amei o pão, um dos melhores que já comi fora de casa.

IMG_7928b

Apenas observem a lindeza desse pãoooo!!! A carne também estava muito saborosa, no ponto perfeito, muito bem feita! O meu hambúrguer foi R$26, achei o preço muito justo! O Marcel pediu um duplo de costela bovina com maionese da casa e onin rings, foi R$30, porém nos esquecemos de tirar foto.

O lugar é lindo, além da área interna, um charme, há uma área externa super gostosa e aconchegante. Outra coisa de que gostamos foi que você pode ver a cozinha e tudo que está acontecendo por lá através de um vidro. Era tudo bem limpo e higiênico, achei muito bacana! Como fomos na primeira semana de abertura, os garçons demoraram um pouco para nos atender, tivemos de esperar um tempinho até conseguir chamá-los, mas quando nos atendiam eram sempre muitíssimo educados e solícitos. Acredito que tenha sido um problema porque estava na correria de abertura apenas.

Resumindo: adoramos o atendimento, os preços e os hambúrgueres. Voltaremos em breve! Aprovadíssimo e recomendadíssimo! 🙂

Beppler hamburgueria
Av. Madre Benvenuta, 686 – Santa Mônica
ou
Rua Desembargador Pedro Silva, 3146 – Itaguaçu
Florianópolis/SC
Fone: (48) 3209-1559
Página no facebook

Anúncios

Lasanha de abobrinha

078b

Oi, gente! Bora começar a semana fazendo uma segunda sem carne? Vai ficar facílimo com essa lasanha maravideusa! A massa foi substituída por fatias de abobrinha, huuuum, amo-amo-amo! Aí é só preparar um molho bem gostoso (optamos pelo molho vermelho) e rechear como preferir (nós usamos queijo vegano da marca Superbom). Gente, fica boa demais essa “lasanha”, e é tão fácil de fazer, confere só! 😉

Ingredientes096b

2 abobrinhas médias fatiadas bem finas
250g de queijo vegano

Molho vermelho: 1 cebola, 1 tomate sem pele e sem semente, alho a gosto, 1 colher (sopa) de extrato de tomate e temperos a gosto (sal, pimenta, salsinha, cebolinha e alho-poró).

Modo de fazer

Comece pelo molho vermelho: basta refogar a cebola e o alho em azeite de oliva até dourar bem, aí acrescente o tomate, deixe murchar um pouco e então adicione os demais ingredientes. Coloque água e deixe apurar até obter mais consistência e sabor suave.

Na sequência, fatie as abobrinhas em tiras bem fininhas (usamos um fatiador de queijo para isso). Em seguida, leve as fatias de abobrinha em uma frigideira untada com azeite de oliva, em fogo baixo, e dê uma selada nelas para que fiquem mais sequinhas e saborosas. Aí é só montar sua lasanha: comece com uma camada de molho (para que ela não grude no refratário), uma camada de abobrinha, uma camada de molho, uma camada de queijo vegano; abobrinha-molho-queijo e vá intercalando até finalizar o refratário. Então, leve ao forno médio por 20-30 minutos para esquentar e gratinar o queijo vegano.

080b

Sem palavras para descrever essa delícia, boa demais!!! Fica um prato bem diferente e muito saboroso! É uma refeição super bacana, com pouco carbo, mas se você quiser acrescentar um carboidrato, sugiro um arroz, combina perfeitamenteee, dupla deliciosa! hahaha ❤

097b

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Pizza sem fermento

049b

Oi, genteee! Estão curtindo o feriado por aí? Que tal preparar uma pizza maravideusa para a janta? Oba!!! Essa pizza é sem fermento biológico, algo bem diferente, já que a maioria das receitas de pizza usam essa fermentação; porém criamos uma diferente, já que não posso consumir fermento biológico. Ah, e é também sem glúten, lactose, ovo e soja. A massa ainda é vegana! Os intolerantes piram! 😀 Chega de enrolação e vamos ao que interessa: PIZZA!!!

Ingredientes

½ xícara de fécula de batata
2 xícaras de farinha de arroz
½ xícara de polvilho doce
½ xícara de farinha de grão-de-bico
1 xícara + 3 a 4 colheres (sopa) de leite de arroz (vejam no vídeo como acrescentamos o leite)
1 “ovo” de linhaça (substituto do ovo de galinha – receita aqui)
4 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 colher (café) de sal
1 colher (sobremesa) de fermento químico

Modo de fazer

Coloque todos os ingredientes em uma bacia (fermento químico por último) e misture tudo muito bem. Abra a massa com um rolo em uma superfície polvilhada com farinha de arroz. Coloque em uma fôrma de pizza e faça furinhos na massa com um garfo para que não crie bolhas. Leve ao forno a 200 ºC por 10 minutos, apenas para pré-assar. Retire do forno, adicione a cobertura/recheio da pizza a seu gosto e volte ao forno por mais 15-20 minutos.

044b

Recebemos muitos pedidos para voltarmos a mostrar o passo a passo das receitas em vídeo, então gravamos essa delícia para que vocês possam conferir com detalhes o modo de preparo, confere só: 🙂

E com a massinha que sobrou nós fizemos esses biscoitinhos/palitinhos aí embaixo para irmos saboreando enquanto a pizza assava. É uma ótima ideia para entrada, ficam crocantes e deliciosos. 😉

033b

Nós já tínhamos uma receita de pizza aqui no blog (AQUI), era de liquidificador. Mas resolvemos criar outra, diferente, com massa de abrir, pois tem gente que prefere. Comparando ambas, acho que essa ficou MUITOOOOO mais gostosa. ❤ Essa pizza com um vinhozinho é a dupla perfeita para o feriadão, hein gente? Corre preparar para fazer uma janta deliciosa para você!

047b

Esperamos que tenham gostado dessa receita e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Pão de abóbora

IMG_8196b

A receita com a cor mais linda está desfilando no blog hoje! hahaha Como lidar com esse pão de abóbora mais lindo da vida? Olhem essa cor, zero filtro, zero corante, tudo real! Comida de verdade, gente, é maravilhosa assim. ❤ E também é sem glúten, lactose, ovo, soja e vegano! Impossível não amar, né? Então chega de blá-blá-blá e vamos logo à receita.

IngredientesIMG_8207b

2 “ovos” de linhaça (substitutos do ovo de galinha – receita aqui)
3 colheres (sopa) de azeite de oliva ou outro óleo vegetal
1 colher (chá) cheia de sal
1 colher (cafezinho) de açúcar demerara (apenas para realçar o sabor)
2 xícaras de leite vegetal (ou água)
3/4 de xícara de abóbora cozida e amassada (já fria) – usamos abóbora japonesa
1 xícara de polvilho doce
2 xícaras de farinha de arroz 

1/2 xícara de farinha de grão-de-bico

1 colher (sopa) de sarraceno
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 colher (sopa) de fermento químico

Modo de fazer

Comece batendo na batedeira os “ovos” de linhaça, o azeite, o sal e o açúcar. Em seguida acrescente a abóbora e o leite e bata bem. Na sequência, adicione as farinhas e continue batendo. Por fim, adicione o fermento e o bicarbonato e bata apenas para incorporá-los à massa. Por cima, polvilhamos linhaça dourada. Leve a assar em forno preaquecido a 200 ºC por 40-45 minutos em fôrma untada e polvilhada com alguma farinha sem glúten (usamos fubá, para continuar amarelinho).

IMG_8200b

Fica ou não fica uma lindeza? Completamente apaixonada! E é tão lindo quanto saboroso. Esse pão tostadinho com manteiga ghee fica simplesmente perfeito, vocês precisam experimentar!

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Brigadeiro com sucrilhos

IMG_7697b

Parou o mundo com a receita delícia de hoje: brigadeiro com sucrilhos!!! E sim, é sem glúten, sem lactose, sem ovo, sem soja e vegan! Ah, e tem mais, numa versão bem maus saudável! Ebaaaa 🙂 Quando fiz 15 anos (meu deus, isso faz MUITO tempo… abafa o caso!), encomendamos docinhos bem diferentes para variar um pouco, dentre os escolhidos havia o brigadeiro com sucrilhos. Pensa numa coisa boa!!! Jamais esqueci aquela delícia. Aí recebi da GlutenFree Box um pacote de sucrilhos sem glúten; não pensei duas vezes e resolvi recriar aquele brigadeiro maravilhoso e inesquecível numa versão para intolerantes.

IngredientesIMG_7702b

100 ml de água
100 ml de leite de coco (comprei pronto, não usei o caseiro; atenção: se você utilizar leite de coco caseiro, coloque 200 ml e não adicione a água)
3 colheres (sopa) de biomassa de banana verde
2 colheres (sopa) de cacau em pó
2 colheres (sopa) de açúcar de coco (ou outro de sua preferência)
50 g de chocolate sem glúten/lactose (opcional, já fiz sem e ficou ótimo também)
Sucrilhos (flocos de milho) sem açúcar

Modo de fazer

Numa panela, junte todos os ingredientes (exceto o sucrilhos) e deixe cozinhar em fogo baixo mexendo sempre. Quando você perceber que deu uma encorpada, desligue o fogo. Leva cerca de 15 minutos. Coloque em um refratário e leve ao congelador por 1 hora para que endureça e seja possível moldar os brigadeiros. Você deve enrolá-los ainda bem duros, se não eles desmancham. Faça as bolinhas e passe-as no sucrilhos. Conserve em geladeira ou no congelador (eu adoro, ficam deliciosos bem geladinhos).

IMG_7700b

Rendimento: 8 brigadeiros

Muito tranquilo de fazer, gente! Vale muito a pena. Se você não tiver sucrilhos, pode passar os brigadeiros em coco ralado, farinha de amendoim ou de amêndoas ou até em castanhas trituradas. É bem versátil, você escolhe! 🙂

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Bolinho de arroz com legumes (assado)

IMG_8253b

Oi, gente! Bora começar a semana com uma receita deliciosa: bolinho de arroz com legumes. Sabe aquele bolinho de arroz frito? Então, transformamos o bendito em assado e ainda incluímos alguns legumes para dar um up! Ficou delicioso!!! Se você preferir, pode colocar frango desfiado junto ou em vez dos legumes, também vai ficar uma delícia. E é uma receita muito simples de fazer, prática e você usa o que tiver em casa: o arroz que já está pronto e sobrou, os legumes que já tiver. 😉 Nós o assamos em forminhas de silicone, essas tipo para muffin/cupcake; a massa fica molinha, não dá bem para moldar. Bora à receita dessa delícia!

IngredientesIMG_8257b

1 xícara de arroz integral cozido
2 “ovos” de linhaça (substitutos do ovo de galinha – receita aqui)
1 e ½ xícaras de água
1 colher (sopa) de trigo sarraceno
2 colheres (sopa) de farinha de grão-de-bico
4 colheres (sopa) de farinha de arroz
1 colher (sopa) de salsinha e cebolinha picadas
3 colheres (sopa) de abobrinha crua picada
2 colheres (sopa) de cenoura cozida picada
2 colheres (sopa) de azeite de oliva extravirgem
1 colher (sobremesa) de fermento químico
1 colher (chá) de sal

Modo de fazer

Em um recipiente, junte todos os ingredientes e misture muito bem. Coloque a massa em forminhas de silicone para muffin/cupcake e leve a assar em forno a 200 ºC por 20-25 minutos (faça o teste do palito para ver se estão bem cozidos no interior).

IMG_8259b

Mais simples impossível, né gente? Saboroso demais! Lembrando que vocês podem variar os legumes e temperos a seu gosto, incluir/retirar como preferir. 🙂

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Torta bombom de morango

IMG_8090b

Oi, genteee! Post de hoje na sexta-feira é especial com uma receita maravilhosa para preparar no final de semana: torta bombom de morango! DE-LI-CI-O-SA!!! Todinha sem glúten, sem lactose, sem ovo e sem soja (ah, e com opção vegan)! Pensa numa sobremesa maravilhosaaaa! Todo mundo come e jura que tem glúten e lactose, ninguém advinha o que vai. Parece mesmo aquele bombom de morango delicioso (mas que é cheio de glúten e lactose), ficou igualzinho. E é bem tranquila de fazer, sem segredos, vejam só!

Ingredientes (massa)FullSizeRenderrb

 

120g de farinha de arroz integral
75g de amido de milho
50g de açúcar demerara
1 “ovo” de linhaça (substituto do ovo de galinha – receita aqui)
50g de manteiga ghee (veganos, usem óleo de coco)
1 colher (chá) de fermento químico
½ colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de água gelada

Modo de fazer (massa)

Em um recipiente, misture todos os ingredientes e misture, com as mãos, muito bem, até obter uma massa homogênea. Envolva a massa em plástico-filme e deixe 30 minutos na geladeira. Depois, abra a massa e a disponha em uma fôrma de fundo removível, forrando o fundo e as bordas (tome cuidado para não deixar buracos, para que o recheio não vaze). Faça furinhos com um garfo e leve a assar em forno a 200 C por 15 minutos. Reserve.

FullSizeRender[4]b

Ingredientes (recheio)

600ml de leite de amêndoas (receita aqui)
6 colheres (sopa) de açúcar demerara
1 e ½ colheres (sopa) de essência de baunilha
3 colheres (sopa) de amido de milho
1 colher (sopa) de creme de leite de arroz (usamos o Isolabio)


Modo de fazer (recheio)

FullSizeRender[1]bNuma panela, disponha o leite de amêndoas, o açúcar demerara e a baunilha; deixe até levantar fervura. Quando ferver, adicione o amido (que já deve ter sido dissolvido em um pouquinho de água) e mexa até engrossar. Desligue o fogo e deixe esfriar. Depois de frio, adicione o creme de leite de arroz.
Cobertura: 80g de chocolate sem glúten/sem lactose derretido + ½ caixa de creme de leite de arroz (Isolabio). Só misturar os dois até ficar homogêneo.

Aí é só montar sua torta: coloque o recheio, por cima uma camada de morangos picados em rodelinhas e finalize com a cobertura de chocolate. Decore com morangos e está pronta!

Gente, não tenho palavras para dizer o quanto ficou boa! Eu congelei um pedaço, mas não adiantou, tirei para comer logo no dia seguinte, não resisti! hahaha Façam, experimentem e depois nos contem o que acharam! 🙂

IMG_8092b

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Biscoito tipo “Club social”

IMG_8101b

Oi, genteee! Começando a semana com essa receita deusa de biscoito tipo Club Social, porém numa versão para intolerantes: sem glúten, lactose, ovo, soja e ainda é vegano. E, claro, infinitamente melhor para a sua saúde do que o biscoito original, que é cheiiiiio de gorduras e outras tantas coisas. É uma opção muito bacana para o lanchinho da tarde, para levar na bolsa, muito prático. Já avisamos que, claro, não fica idêntico ao industrializado, mesmo porque usamos ingredientes totalmente diferentes, mas chega próximo e fica delicioso! Por aqui o biscoito foi aprovado por intolerantes e não intolerantes, tanto que acabou tudo no mesmo dia. Se você é intolerante, corre anotar a preparar essa receita que é gostosura garantida. 🙂

IngredientesFullSizeRender[1]b

½ xícara de polvilho doce
½ xícara de farinha de arroz
½ xícara de farinha de arroz integral
½ xícara de farinha de grão-de-bico
2 “ovos” de linhaça (substituto do ovo de galinha, receita aqui)
2 colheres (cafezinho) rasas de sal
1 colher (chá) de fermento químico
4 a 5 colheres (sopa) de água gelada
4 colheres (sopa) de azeite de oliva extravirgem

Modo de fazer

Misture todos os ingredientes com as mãos até obter uma massa homogênea. Enrole a massa num plástico-filme e deixe 30 minutos na geladeira. Abra a massa com um rolo, molde e corte os biscoitos em formato retangular (como o Club Social). Faça furinhos com o garfo para não estufar. Leve a assar em fôrma forrada com papel-manteiga em forno preaquecido a 200 ºC por 15-20 minutos.

Vejam que lindeza, “destacando” os biscoitos como fazemos com o Club Social (momento intolerante emocionada hahaha):

Moleza de fazer, né gente? Bem simples e prático! Essa receita até rende uma quantidade média, mas se você quiser fazer bastante, sugiro dobrar. Conserve em um pote hermeticamente fechado, mas lembre-se de que vai durar bem menos que o biscoito industrializado, hein! Não usamos conservantes, então fique atento à conservação.

FullSizeRenderb

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina