Homus tahine

051b

Oi, gente! Semana começando com receita saudável e cheia de ingredientes do bem. Essa receita foi criada pelo time de nutricionistas da Natue especialmente para o SOS Intolerante, bacana né? Muito saudável, deliciosa e, claro, sempre sem glúten, sem lactose, sem ovo, sem soja. Ah, e fácil-fácil de fazer! 😉 Bora anotar os ingredientes e se deliciar!

Ingredientes

2 xícaras de grão-de-bico
100g de tahine (encontre AQUI)
¼ de xícara de azeite de oliva
3 colheres (sopa) de amaranto em flocos (encontre AQUI)
Suco de 1 limão
1 xícara da água do cozimento do grão-de-bico
Sal, pimenta e manjericão (ou outros temperos) a gosto

Modo de fazer

O primeiro passo é deixar o grão-de-bico de molho por cerca de 4 horas. Descarte a água do molho, lave o grão-de-bico e o cozinhe por cerca de 45 minutos (ou por 10 minutos em panela de pressão). Reserve 1 xícara da água do cozimento. Depois, coloque todos os ingredientes no processador e bata bem até virar um creme homogêneo. A dica é ir adicionando a água do cozimento aos poucos na hora de bater, assim você pode dosar a consistência que quiser: e preferir uma pasta mais mole, é só adicionar mais água do cozimento; se optar por algo mais consistente, coloque menos água.

046b

Para acompanhar, como vocês podem ver nas fotos, usamos biscoitos de arroz deliciosos da marca Scotti, eles são mais fininhos, bom demais. Vocês podem encontrá-los AQUI.

Prontinho, só isso! Muito fácil, não é mesmo? Ah, e para quem não curte muito tahine, pode diminuir a quantidade numa boa, assim não fica com o sabor “amarguinho” tão acentuado.

Esperamos que tenham gostado dessa receita especial que a Natue preparou e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Anúncios

Patê de abobrinha vegano

060b

Oi, gente! Como passaram de feriado? Muita comilança? Por aqui foi muito tranquilo, zero chocolate, Páscoa clean! Se eu senti vontade? Até senti, mas o fato de não passar mal pelo resto da semana faz passar qualquer vontade de comer chocolate. Mas ganhei umas balinhas, doce de banana, barrinha de alfarroba e creme de avelã de alfarroba (que eu estou curiosíssima para testar, depois conto para vocês).

Bom, mas como muita gente acaba enfiando o pé na jaca no feriado – ainda mais sendo feriado de Páscoa -, a receita por aqui é leve. Leve, saborosa e facílima de fazer: patê de abobrinha! No post anterior ensinamos a preparar abobrinha recheada, agora você vai utilizar a polpa que não usou na receita anterior, afinal, nada de desperdícios, vamos aproveitar tudinho e transformar em uma opção deliciosa de aperitivo.

Ingredientes061b

1 cebola
Polpa de uma abobrinha grande
1/2 colher (chá) de sal
1/2 colher (chá) de pimenta branca moída
1 colher (chá) de alho-poró desidratado
1 colher (chá) de orégano
1 colher (sobremesa) de mostarda
1 colher (sopa) de cebolinha
1 colher (spbremesa) azeite de oliva extravirgem

Modo de fazer

Refogue a cebola com um fio de azeite de oliva extravirgem, em seguida acrescente a polpa da abobrinha, e deixe cozinhar até que seque o caldo que a abobrinha soltará e fique bem molinha. Depois, bata os ingredientes no liquificador com a mostarda, o azeite e a cebolinha para que adquira consistência de patê. Leve à geladeira para firmar e retire na hora de servir.

Assista ao passo a passo dessa receita no vídeo que preparamos para vocês:

Fácil demais, não é mesmo? E fica deliciosa! Você pode servir com bolachas de arroz, torradas sem glúten, minicenouras etc. É uma opção bem legal de aperitivo para servir para amigos e familiares! Esperamos que tenham gostado!

Beijos, Letícia e Regina

Patê de ervilha

018b

Oi, gente! Hoje tem um post bem bacana no blog. A Natue nos propôs um “desafio” e nós topamos na hora! O time de nutricionistas da Natue criou uma receita especial para o SOS Intolerante e nós a reproduzimos e adoramos!!! Por isso, hoje compartilhamos com vocês essa receita deliciosa e excelente para servir de entrada com torradinhas ou bolachas de arroz e fica delicioso como recheio de tapiocas e panquecas. Não adianta torcer o nariz porque é de ervilha, o sabor se harmoniza e fica muito suave, os ingredientes combinam muito bem e dá ao patê um sabor delicioso e único, bom demais. Aqui em casa todo mundo aprovou, não foi só a intolerante não.

Além disso, esse patê de ervilha é rico em proteínas vegetais de excelente qualidade, fornecendo boas quantidades dos aminoácidos essenciais, inclusive os BCAAs (leucina, isoleucina e valina), que são aminoácidos importantes para quem pratica exercícios físicos, já que atuam na manutenção da massa muscular, constituindo 1/3 dos músculos. Também são importantes para o fígado, ajudando a eliminar substâncias tóxicas como a amônia.

Ou seja, esse patê é tudo de bom – e o melhor: facílimo de fazer! Bora aprender essa receita!

Ingredientes012b

2 xícaras (chá) de ervilha congelada

1 dente de alho amassado ou 1 cebola pequena picada

1 colher (sopa) de tahine (encontre aqui)

Suco de meio limão

2 colheres (sopa) de azeite

Mix de tempero natural com pimenta ou sal e pimenta a gosto

Modo de fazer

Coloque as ervilhas em água fervente e deixe cozinhar até amolecerem (cerca de 5 minutos), não deixe a ervilha ficar muito mole nem perder sua cor verde viva. Escorra, reserve a água do cozimento e coloque as ervilhas em um processador de alimentos. Adicione o restante dos ingredientes e bata até formar um creme. Se necessário, adicione aos poucos, um pouco da água do cozimento da ervilha (usei 4 colheres de sopa), para ajudar a bater e ficar com consistência de uma pasta.

016b

Servimos com as torradas veganas (sem glúten, lactose e ovo) da Schär (encontre aqui) e polvilhamos sementes de chia da Nu³ Naturals (encontre aqui) por cima.

Confiram no vídeo o passo a passo dessa receita:

Muito legal, não é mesmo? Fácil, prática, deliciosa e cheia de benefícios para o corpo, impossível não amar! ❤ Nós adoramos e agradecemos a Natue por compartilhar conosco essa receita incrível. Se você não conhece a loja, corre conhecer. Eu sempre compro muitos dos meus produtos naturais por lá, o preço é excelente e a variedade é sensacional. Esperamos que vocês todos tenham gostado!

Beijos, Letícia, Regina e Natue