Arraiá SOS Intolerante: Amendoim doce tipo Praliné

Amendoim doce

Êta que esse Arraiá SOS Intolerante tá bom demais, genteee! Hoje tem a receita mais viciante da vida: amendoim doce tipo praliné! Esse é aquele amendoim que você começa a comer e não consegue parar mais, muuuuuuito viciante e delicioso!!! Ele leva só 3 ingredientes, é facílimo de preparar e fica crocante e saboroso demais. Além disso, é totalmente livre de glúten, leite, ovos, soja e ainda é vegano. Corre preparar!!! 🙂

IMG_1096b

Ingredientes

1 xícara de açúcar demerara
1 xícara de amendoim (cru ou torrado, com ou sem pele)
½ xícara de água

Modo de fazer

Coloque todos os ingredientes numa panela, em fogo alto, e mexa sem parar, até começar a borbulhar. Quando ferver e borbulhar, abaixe o fogo e continue mexendo até secar todo o açúcar (ele vai começar a virar pó). Quando isso acontecer, desligue o fogo e continue mexendo para desgrudar todo açúcar; então, volte ao fogo baixo para derreter o açúcar que ficou solto na panela e para que ele “grude” no amendoim. Deixe no fogo até secar o açúcar, depois despeje em uma fôrma antiaderente e deixe esfriar bem. Prontin!

IMG_1095b

Moleza, né pessoal? Fica uma delíciaaaa! Essa receita é a mais simples, a base, mas você ainda pode acrescentar canela e/ou cacau em pó, por exemplo, e dar um saborzinho a mais ao seu amendoim doce! 😉 Nós já testamos com amendoim cru, torrado com e sem a pele; funcionou com todos e ficou saborosíssimo! O amendoim nós torramos em casa mesmo porque achamos que fica mais saboroso, mas você pode já comprar pronto se preferir.

Esperamos que tenham gostado de mais esse post do nosso Arraiá! Calma que ainda tem mais 😉

Beijos, Letícia e Regina

Anúncios

Pão de sementes germinadas (salgado)

035b

Oi, gente! Semana pós-Natal, pós-comilança, é hora de voltar à rotina – pelo menos até o Ano Novo, né? hahaha 😀 Por isso, nada melhor que um pão de sementes germinadas, cheio de ingredientes do bem, para voltar com força total e dar um “alívio” para o organismo. Esse pão nós fizemos na versão salgada, porque sei que muitos preferem pão de sal. Mas também já postamos o pão doce de sementes germinadas, clica aqui para ver a receita. Ele é totalmente sem glúten, sem lactose, sem ovo, sem soja, sem fermento biológico e vegano, além de levar vários ingredientes bacanas e saudáveis e ser muuuuuuuuuuito fácil de fazer. Você só precisa se preparar com antecedência para deixar as sementes germinando, depois disso é moleza, quer ver?

Ingredientes046b

½ xícara de fécula de batata
½ xícara de farinha de grão-de-bico
1 e ½ xícaras de farinha de arroz integral
½ xícara de polvilho doce
2 colheres (sopa) de fubá (fique atento ao rótulo, alguns fubás contêm glúten!)
1 colher (sopa) de óleo de girassol
1 colher (sobremesa) rasa de sal
1 colher (sopa) de fermento químico
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
2 xícaras de leite vegetal (usamos leite de arroz – receita aqui)

Sementes que usamos:

2 colheres (sopa) de semente de chia
2 colheres (sopa) de quinoa em grão
2 colheres (sopa) de semente de linhaça

Modo de fazer

Comece o processo no dia anterior, pois as sementes precisam germinar por 24h. Basta juntar todas as sementes e deixá-las de molho em 1 xícara de água mineral em uma bacia ou recipiente fechado. Coloque dentro do armário ou forno para abafar. Deixe até o dia seguinte. Aí é só juntar as sementes a todos os ingredientes (adicione o fermento e o bicarbonato por último) e vá mexendo muito bem, com uma colher ou as mãos, até que fique uma massa homogênea. Leve a assar em uma fôrma de pão untada e polvilhada com fubá em forno a 200 ºC por 25-30 minutos (faça o teste do palito para conferir se seu pão está pronto), por cima polvilhamos gergelim para dar um toque especial.

034b

Só isso! Fácil demais, né gente? Não tem erro! Aí é se deliciar com seu pãozinho delicioso. Ele quentinho com uma manteiga ghee derretendo fica maravilhosooo!!! Eu gosto de colocar na sanduicheira para dar uma tostadinha e comer bem quentinho, fica incrível! 🙂 E fica lindo, viram como fica enorme? Cresce bastante, parece até pão com fermento biológico. Tudo de bom!!!

049b

Ah, e você pode congelá-lo. Eu já corto em fatias e congelo, assim fica mais fácil de ir descongelando aos poucos quando quero comer. Conserva por 3 meses no congelador. 😉

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Bolotone – de chocolate e de frutas secas

053b

Oi, gente! O SOS Intolerante já está em clima de Natal, e hoje preparamos para vocês duas receitas deliciosas: bolotone de chocolate e bolotone de frutas secas! Nós fizemos para que ficasse o mais parecido possível com panetone, porém tiramos o fermento biológico porque eu, assim como muitos intolerantes, não conseguem consumi-lo. Além disso, nossa receita é sem glúten, sem lactose, sem ovo e sem soja! Ah, e também pode ser vegana, basta você substituir a manteiga ghee por um óleo vegetal de sua preferência. É muito fácil de fazer, muito mesmo, vejam só!

Ingredientes038b

3 xícaras de açúcar demerara
3 colheres (sopa) de manteiga ghee (para veganos, usem óleo vegetal ou creme vegetal)
3 “ovos” de linhaça (substitutos dos ovos de galinha – receita aqui)
4 xícaras de farinha de arroz
1 xícara de farinha de amêndoas
1 xícara de amido de milho
2 xícaras de leite de arroz (receita aqui)
1 colher (sopa) bem cheia de fermento químico
1 colher (sobremesa) de essência de panetone

044bPara o bolotone de frutas secas:

100g de uva-passa branca
50g de cranberry
100g de frutas cristalizadas variadas
Açúcar de confeiteiro para polvilhar por cima

Para o recheio do bolotone de chocolate:

100g de chocolate (sem glúten/sem lactose) picado
100g de chocolate (sem glúten/sem lactose) derretido para cobertura

Modo de fazer

Comece batendo na batedeira o açúcar, a manteiga ghee e os “ovos” de linhaça. Em 036bseguida, acrescente os ingredientes restantes (exceto o fermento) e bata bem, até obter uma massa homogênea. Por fim, adicione o fermento e o incorpore à massa mexendo com uma espátula. Divida a massa em duas e misture as frutas secas em uma parte e o chocolate picado em outra. Leve a assar em fôrmas para panetone ou para bolo comum em forno a 200 ºC por 45-50 minutos (demora mais pois assamos em fôrma de panetone, que são altas, mas se você utilizar fôrmas comuns de bolo, mais baixinhas, assará mais rápido). Deixe esfriar sobre uma grade para não suar embaixo. Depois, jogue o chocolate derretido como cobertura do bolotone de chocolate e polvilhe açúcar de confeiteiro sobre o bolotone de frutas secas.

Mostramos todo o passo a passo no vídeo a seguir, confira:

047b

Tudo de bom, né gente? Nada como se deliciar com um “panetone” versão própria para intolerantes! Hmmm, bom demais!! Nós fizemos em fôrmas próprias para panetone, um tamanho médio (cerca de 300-350g), mas você pode fazer em uma fôrma comum de bolo. Não tem desculpa para ficar sem “panetone” esse ano! 😉

Fizemos bolotone para evitar o uso de fermento biológico, ingrediente usado nos panetones tradicionais e que está na lista das minhas intolerâncias – e sei que na de muita gente também.

Ah, a farinha de amêndoas pode ser substituída por qualquer outra farinha de oleaginosas, sugiro muito usar, dá um sabor incrível e faz muita diferença!

O Natal dos intolerantes está garantido, agora corre que ainda dá tempo de preparar até o dia 24/12! 🙂

079b

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Brownie raw

026b

Oi, gente! Semana começando com receita fit no blog: brownie raw! Simplesmente o melhor brownie da vidaaa!!! E o mais fácil de fazer! Com apenas quatro ingredientes, não vai ao forno (por isso, raw), é sem glúten, sem lactose, sem ovo, sem soja, sem fermento, zero açúcar, vegano e funcional. Melhor impossível! Essa receita é para que todos possam comer sem enfiar o pé na jaca. Tudo de bom!!! Confiram como prepará-la! 😉

Ingredientes019b

3 xícaras de tâmaras sem caroço
½ xícara de cacau em pó sem açúcar
1 ¼ de xícara de farinha de amendoim
1 colher (chá) de extrato (ou essência) de baunilha

Modo de fazer

O primeiro passo é deixar as tâmaras de molho em água mineral por 4 horas. Depois desse tempo, escorra a água das tâmaras e processe-as sozinhas, quando adquirir uma consistência de pasta, adicione os demais ingredientes e processe bem, até obter uma massa homogênea (vejam o ponto no vídeo abaixo). Forre uma fôrma (pequena, a que usei tem um palmo de largura e três dedos de altura) com papel-manteiga e coloque a massa na fôrma, espalhando muito bem. Leve ao congelador por 1 hora ou deixe na geladeira por pelo menos 4 horas. Aí é só desenformar, cortar em pedacinhos, polvilhar cacau em pó por cima e está pronto para servir.

Confiram o passo a passo da receita no vídeo que preparamos:

Muito fácil, né gente?? Essa receita tem tudo a ver com o verão/calor, esse brownie geladinho fica simplesmente incrível!!!

018b

Ah, muita gente me pergunta se pode substituir a tâmara por outra fruta seca. Pode sim, porém a tâmara tem um sabor muito neutro quando usada em receitas, então o que prevalece é o gosto do cacau, da baunilha e da farinha de amendoim. A tâmara ajuda mais a dar a liga necessária, sem deixar gosto residual. Mas se você quiser pode usar qualquer outra fruta seca de sua preferência.

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Pão de aveia sem glúten

067b

Oi, gente! Semana começando com mais uma receita de pão! Oba! O de hoje é pão de aveia sem glúten. Isso mesmo, com aveia e sem glúten! Nós compramos a nossa aveia na loja Natue, que é super parceira aqui do blog e recomendamos com os olhos fechados, porem confiar. Além de ser gluten free, é também sem lactose, ovo, soja e fermento biológico. Ah, e é também vegano! Tudo de bom, não é mesmo? Quer mais qualidade desse pãozinho muso? É MOLEZA de fazer, basta juntar todos os ingredientes, bater na mão mesmo e levar a assar, nada de perder tempo esperando crescer. Rapidinho você tem seu pão quentinho e pronto para se deliciar! Então bora anotar a receita dessa lindeza! 😉

Ingredientes

1 “ovo” de linhaça – substituto do ovo de galinha (receita aqui)
½ xícara de farinha de amêndoas (ou a farinha de outra oleaginosa de sua preferência) *DICA: ao comprarmos a farinha de amêndoas, colocamos em uma fôrma para dar uma torradinha (bem pouco, só até ficar mais douradinha) e depois de torrada acrescentamos um pouquinho de açúcar de baunilha, fica simplesmente perfeito! Você pode acrescentar também essência/extrato de baunilha, mas aí adicione no início, pois deve torrar junto com a farinha, fica uma perfeição!!!
½ xícara de aveia sem glúten (encontre AQUI)072b
½ xícara de fécula de batata
1 xícara de farinha de arroz integral
2 colheres (sopa) de óleo vegetal (usamos o de girassol)
1 pitadinha de sal (apenas para realçar o sabor)
3 colheres (sopa) de melado
1 colher (sopa) de fermento químico
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 ½ xícaras de leite de arroz (receita aqui)

Modo de fazer

Num recipiente, comece misturando o melado, o óleo e o “ovo” de linhaça. Em seguida, adicione o restante dos ingredientes (deixando o fermento e o bicarbonato por último) e misture bem, até obter uma massa homogênea. Despeje em uma fôrma untada e polvilhada com farinha de amêndoas, polvilhe aveia sem glúten sobre o pão e leve-o a assar em forno preaquecido a 200 °C por 25-35 min. (faça o teste do palito).

Confiram o vídeo a seguir com o passo a passo detalhado da receita:

Ele fica extremamente saboroso, tá no Top 5 dos pães que já fizemos. Além disso, a cor fica linda por causa do melado!!! Ele foi aprovadíssimo por aqui, bom demais! Ah, uma dica é congelar o pão, já que, por não ter conservantes e nem glúten (que também ajuda a conservar), ele estraga mais rápido que os pães que compramos prontos. Eu já congelo cortado em fatias, aí descongelo e conservo em geladeira. Quando vou comer, apenas esquento uns 15 segundinhos no micro-ondas e fica perfeito.

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina

Pão de sementes germinadas

image2b

Semana começando com pãozinho saindo do forno! E esse é muito bacana, além de ser sem glúten, sem lactose, sem ovo, sem soja e sem fermento biológico, fizemos com sementes germinadas, o que agrega ainda mais valor nutricional ao pão – e o torna muito saboroso! 😉 É bem tranquilo de fazer, você precisa apenas se preparar antecipadamente para deixar as sementes germinando de um dia para o outro. Aí é só correr para cozinhar e preparar essa delícia! Para criar essa receita nós no baseamos no pão da Silvana Morais, porém mudamos alguns ingredientes e adaptamos para as minhas intolerâncias; a receita da Silvana vocês conferem aqui.

Ingredientesimage8b

1 colher (sopa) de fécula de batata
2 colheres (sopa) de farinha de amêndoas (ou qualquer farinha de outra oleaginosa)
3 colheres (sopa) de farinha de arroz
1 colher (sopa) de polvilho doce
1 colher (sopa) de fubá
3 colheres (sopa) de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de fermento químico
1 colher (sobremesa) de óleo de girassol
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 ½ xícaras de leite vegetal (usamos o de arroz – receita aqui)

Sementes que usamos:

2 colheres (sopa) de semente de chia
2 colheres (sopa) de semente de quinoa
2 colheres (sopa) de semente de linhaça

image4bModo de fazer

Comece o processo no dia anterior, pois as sementes precisam germinar por 24h. Basta juntar todas as sementes e deixá-las de molho em 1 xícara de água mineral em uma bacia ou recipiente fechado. Coloque dentro do armário ou forno para abafar. Deixe até o dia seguinte. Aí é só juntar as sementes a todos os ingredientes (adicione o fermento e o bicarbonato por último) e vá mexendo muito bem, com uma colher ou as mãos, até que fique uma massa homogênea. Leve a assar em uma fôrma de pão untada e polvilhada com fubá em forno a 200 ºC por 20-25 minutos (faça o teste do palito para conferir se seu pão está pronto). Você pode também polvilhar fubá sobre o pão antes de assar, nós fizemos isso (como vocês podem ver nas fotos) e achamos que ele fica menos rachado, mas é opcional.

Muito fácil, né gente? Não tem erro mesmo!!! Você pode usar as sementes de sua preferência, uma versão salgada desse pão com semente de gergelim ficará incrível. 😉

image6b

Esperamos que tenham gostado e até a próxima!

Beijos, Letícia e Regina